sábado, 24 de outubro de 2009

Cantos da casa...


Costuma usar-se a expressão "a chorar pelos cantos", o que já me aconteceu algumas vezes.
Não foram vezes de mais, mas também não foram vezes de menos, algumas foram duras e senti-me no fundo, no escuro, e incapaz de me levantar ou de acender a luz, mas todos esses momentos passaram.

Levantei-me e acendi a luz, e agora tenho braços fortes onde me agarrar para não voltar a cair tão baixo e tenho luzinhas brilhantes que não vou deixar apagar nunca.

Não quero esquecer os cantos por onde chorei, quero antes lembrar que nesta mesma casa os mesmos cantos me fazem feliz, a mim e à minha familia que ADORO.

Mas este post não é para ser uma coisa lamechas, antes pelo contrário, este post é para celebrar os bons momentos e os respectivos cantos que vale a pena lembrar e partilhar.

Andei a tirar fotos aos cantos da casa, para que estes sejam lembrados como cantos felizes.

Agora vou ali dar de mamar à minha luzinha pequenina e Brilhante, e amanhã (talves) começo a mostrar os cantos da casa FELIZ.

3 comentários:

Adelina Charneca disse...

A vida dá-nos todas essas espécies de cantos,assim como também nos dá a vassoura para os limpar,se tivermos receio de lhe pegar para varrer ficamos para sempre com os cantos sujos,e a tua coragem para pegar na vassoura às vazes ela própria suja é que te deu agora os cantinhos todos brilhantes por isso mereces!!Vai e segue e que nunca mais a luz se apague(não a deixes apagar).

Anónimo disse...

Mereces muitas luzes dessas na vida.

Su disse...

Aposto que esses cantos estão todos muita giros.
Bj